Intercâmbio em Dublin ou em cidades menores?

Eu escolhi Dublin porque gosto de cidade grande. O Bruno pretendia buscar um emprego na área dele e acreditamos que ir para a capital aumentaria as possibilidades. Gosto de movimento, multiculturalidade. Outra ponto foi a facilidade de viajar, a maioria dos voos saem de Dublin e é onde se concentra a maioria das promoções.

Cada um tem um perfil e objetivo. Como eu não tive a experiência de morar em cidades menores, pedi para vocês me contarem as experiências e hoje trago pra vocês alguns relatos. Quero agradecer muito todas que participaram desse post, ter a colaboração foi essencial.

A @marastephanie vive em Limerick e escolheu a cidade pelo aluguel ser mais barato. Paga apenas 715/casal em um flat no centro.

Já a @lairara ficou na dúvida entre Cork e Galway, mas escolheu Galway por ser uma cidade universitária e praiana: ela adora poder fazer tudo a pé. 

A @laricampestrini também escolheu Galway e vê como vantagens a segurança, preço do aluguel e rapidez na busca de acomodação, faz tudo a pé, também acredita que tem menos disputa na hora de procurar emprego, porém ela citou que tem menos opções de restaurantes e escolas que são mais caras que a capital. A maioria eventos/shows, promoções de passagem ocorrem em Dublin.

A @marianambonetto fez um intercâmbio profissional logo depois que se formou em engenharia química em Dundalk, uma cidade pequena e ela adorou ficar completamente imersa na cultura.

Já a @cleiaarchanjo fez intercâmbio em Drogheda pois queria viver a experiência “Irish life style”, dividiu a casa com um irlandês e cita que foi a melhor experiência que ela poderia ter tido. 

A @kmilybarros diz que ao contrário do que muitos acham, Cork não é tão pequena quanto parece. Ela acredita que tem mais acesso a cultura local, sente mais aconchego e faz praticamente tudo a pé. Além de ter menos brasileiros, também tem um custo de vida mais barato. 

LEIA OS RELATOS

“Limerick: escolhemos pelo preço do aluguel. Moramos só nós dois num flat no centro, 3 minutos da nossa escola e pagamos 715l” @marastephanie

“Galway: fui em busca de uma cidade com menos brasileiros. Fiquei entre Cork e Galway e escolhi Galway por ser uma cidade universitária, por ser praia. Amo o mar estar do nosso lado o tempo todo, adoro que aqui podemos fazer tudo a pé.” @lairara

“Galway: segurança, aluguel mais barato e rápido para encontrar acomodação, casas melhores, fazer tudo a pé, maior contato com a cultura local, menor disputa por vagas de emprego. Desvantagens: a maioria dos eventos/shows são na capital, promoções da Ryanair são sempre saindo de Dublin, menos opções de restaurantes,menos opções de escola e são mais caras que Dublin.” @laricampestrini

“Dundalk: quase nem vi brasileiros nem outras nacionalidades lá. Eu fui por um programa de intercâmbio profissional logo depois de formada em engenharia química, e trabalhei em uma consultoria ambiental! Eu ia pra Dublin acompanhar alguns projetos, mas o escritório era em Dundalk! A cidade é super pequeninha, mas um amor e eu amei por ter ficado completamente imersa na cultura.” @marianambonetto

“Drogheda: eu queria viver a experiência ‘Irish life style’, já que Dublin é multicultural e totalmente diferente do restante do país, eu tbm queria ter mais contato com o idioma, dividi casa com um irlandês e foi a melhor experiência que eu poderia ter tido.” @cleiaarchanjo

“Cork: eu não poderia escolher cidade melhor para morar na Irlanda, aqui não é tão pequeno quanto parece. A cidade menor me agrega mais por poder ter acesso a cultura local. Eu me sinto em uma cidade mais aconchegante, com menos loucura de cidades grandes. Faço praticamente tudo a pé, e sou feliz por isso. tem menos brasileiros aqui, aluguel é mais barato e qualidade de vida tb.” @kmilybarros

Todos os lugares terão vantagens e desvantagens, importante é você sentir qual é o melhor lugar para você! Lembrando que você pode fazer intercâmbio em uma cidade e na renovação optar por outra.

Compartilhe

Deixe uma resposta