Dia do embarque – Intercâmbio

NÃO SEI ENGANE COM ESSE SORRISO! Vai ter muito chororô.

O dia do embarque é um dos mais especiais. É quando a ficha começa a cair. É quando você vê a sua família e percebe que vai ter que se despedir. O dia do embarque também é aquele que a sua cabeça não para: “será que peguei isso?”, “coloquei isso na mala despachada?”; e por aí vai.

O mais importante no dia do embarque é você aproveitar os últimos minutos com a família. Muitos de vocês vão sair de casa pela primeira vez. Muitos entrarão em um avião pela primeira vez. São muitos pequenos desafios e grandes mudanças! Esse é o dia do chororô e também o primeiro dia do resto de suas vidas.

Mas além de aproveitar com a família, os documentos são essenciais! Eu sugiro que você faça uma pastinha e coloque ela na sua mochila com os seguintes documentos:

– Passaporte;
– Carta da escola;
– Carta do seguro;
– Comprovação da acomodação;
– Comprovação/extrato dos 3 mil euros;
– Certificado Internacional de Vacinação (a Irlanda não exige nenhuma vacina específica até o momento, mas você viajará pela Europa e outros continentes); Se você vier para Dublin, o comprovante do agendamento do visto;
– Passagem de ida e volta.

Caso você tenha o inglês básico, nessa pastinha você pode colocar uma folha com algumas palavras essenciais para a sua viagem, vocabulário de aeroporto e de imigração.

Chegue cedo no aeroporto, no mínimo 3 horas de antecedência. Confira os documentos antes de sair de casa. Faça o check-in online mas caso dê erro fique tranquilo, você poderá fazer o check-in no balcão!

Sexta falaremos sobre imigração mas já adianto que quando cheguei na Irlanda, a atendente da imigração pediu TODOS os documentos POSSÍVEIS. Inclusive entrou no site da imigração para confirmar se meu agendamento era de verdade; então sim, é importante ter todos esses documentos, você não vai querer correr o risco né?

Essas regras se aplicam a estudantes que vem pra irlanda estudar por 8 meses, se você vem para 1 mês por exemplo, não precisará comprovar os 3 mil euros, nem agendar visto.

Compartilhe

Deixe uma resposta